Buscar

Vicentina disponibiliza 2 milhões de euros para apoiar o emprego e o empreendedorismo


«O desafio que se impõe é grande: a criação de emprego deve facilitar e estar articulada com a execução das estratégias de desenvolvimento local dos GAL, ou seja, é este um dos principais objetivos, que deve ser respeitado na elaboração dos projetos», salientam os responsáveis pela associação de desenvolvimento.


São três as modalidades do sistema de incentivos, + CO3SO Emprego Interior, + CO3SO Emprego Urbano e + CO3SO Emprego Empreendedorismo social.


Estas três medidas reúnem uma dotação com o valor de 2.008.247 euros, para que os beneficiários procedam à criação de postos de trabalho, criação essa comparticipada integralmente, excluindo os subsídios de férias e de natal. Acresce ainda um valor de 40% para financiamento de outros custos associados aos postos de trabalho criados.


O objetivo é claro: apoiar o emprego e o empreendedorismo, através do apoio à criação do próprio emprego e de postos de trabalho para micro e pequenas empresas, sem esquecer a componente do empreendedorismo social, para o apoio ao emprego no sector social.


Todos os setores são abrangidos, com exceção da agricultura e floresta, pesca e aquicultura, e também a transformação e comercialização de produtos agrícolas.

O prazo de entrega das candidaturas ocorre de forma faseada, sendo que a 1º fase encerra a 15 de Setembro e a 2º a 16 de Novembro.


Fonte: Sulinformação Clique aqui para mais informações

Posts recentes

Ver tudo

© P Oliveira Consultoria